20 de fev de 2013

Viajando com seu Pet!

Olá leitores!

Hoje daremos algumas dicas importantes para quem quer passear com seu bichinho de estimação. Serão informações sobre documentação, caixa de transporte, encargos e tudo mais. Tudo para garantir a segurança e bem estar do seu Pet!

Pra iniciar, vamos falar de burocracia! 

Documentação

A primeira documentação a ser providenciada é a carteira de Vacinação devidamente regularizada (com todas as minhas vacinas em dia) e assinada pelo meu Veterinário. Dê especial atenção à vacinação anti-rábica pois ela é indispensável para viagens de qualquer esfera (nacional ou internacional). A vacina é exigida para animais acima de 90 dias de idade, deverá ter sido aplicada pelo menos 30 dias antes da data da viagem, no caso da primeira dose, e é válida por um ano. 

Se for viagem nacional, deve apresentar apenas um  “Atestado de Saúde” ou “Certificado Sanitário” emitido por médico veterinário devidamente registrado e contendo as seguintes informações: raça, nome e origem do animal (informações do Pedigree se houver); estado geral de saúde; nome do proprietário (qualificação completa) e destaque para a comprovação de imunização anti-rábica. Caso o destino seja fora do país, você deve apresentar o (CZI) Certificado Zoosanitário Internacional, emitido gratuitamente pelo Ministério da Agricultura, nos aeroportos internacionais ou na sede do Ministério da Agricultura de cada Estado.



Caixa Transporte

Escolha uma caixa resistente e ventilada, com espaço suficiente para que seu Pet possa dar um giro de 360 graus.  Não exagere no tamanho para que o animal não se machuque em caso de movimentos bruscos do veículo. Deixe seu animal se familiarizar com a caixa, forre a caixa com panos, e fixe na caixa os compartimentos de comida e água. Saiba como calcular a caixa de transporte.

A = Comprimento do animal, desde o focinho até a base do rabo.
B = Altura das pernas.
A+ ½ B = Extensão da embalagem.
C = Largura das costas do animal.
C x 2 = Largura da embalagem.
D = Altura do animal em pé, até o ponto mais alto.




Dicas Importantes

Coloque em seu animal uma coleira com identificação, incluindo seus contatos. Também leve um kit primeiros socorros (o veterinário poderá ajudar a montar um). Leve comida e água somente em quantidade necessária para a viagem. Veja sempre se o animal está saudável, leve os brinquedos preferidos dele e uma foto contigo para caso se perca. Confirme com o hotel sobre a aceitação de animais em sua dependência. 



É isso pessoal!

Caso queira viajar com seu animal, entre em contato com as agentes de viagem da Viesca! Elas estão preparadas para proporcionar ao seu Pet uma viagem tranquila e sem complicações!

Até a próxima!


Fonte: turismo4patas.com.br
Fotos: turismo4patas.com.br / banco de imagens

Nenhum comentário: